13 de maio de 2024

Plataforma de e-commerce para D2C: como escolher?

Se você deseja trabalhar com vendas diretas ao consumidor final, precisa de uma plataforma de e-commerce D2C para otimizar toda a sua operação. 

Afinal, o mercado atual é marcado por uma forte concorrência, tanto pela quantidade de empresas que existem quanto pelos diferenciais que oferecem.

Então, para você se manter competitivo, precisa se destacar ao oferecer uma experiência excelente aos seus clientes. E isso depende tanto da sua gestão quanto das funcionalidades do e-commerce.

Por isso, é importante que você contrate a melhor D2C e-commerce platform, (como é chamada em inglês) para seu negócio. 

Além de possibilitar que você aproveite algumas vantagens que são próprias do meio digital, também deve oferecer outras para complementá-las.

E para te ajudar a fazer uma boa escolha, neste conteúdo você vai conferir algumas dicas de quais funcionalidades a plataforma deve oferecer. 

Como escolher uma plataforma de e-commerce D2C?

Antes de tudo, é importante lembrar que você deve avaliar as plataformas com seus próprios critérios, de acordo com as necessidades do seu negócio. 

Por exemplo, se o seu público tem um perfil mais conservador quanto aos meios de pagamento, preferindo pagar por boleto ou cartão, não é necessário contratar uma solução que disponibilize integração com carteiras digitais.

Enfim, acompanhe para saber como avaliar uma plataforma para e-commerce D2C.

Como escolher uma plataforma de e-commerce?
Escalabilidade:
Permite expansão sem necessidade de migrar estrutura ou empresa de e-commerce.
Capacidade de suportar picos de tráfego, como ocorre em datas comemorativas.
Omnichannel:
Estar presente nos principais canais de venda.
Integração de lojas físicas e virtuais para uma experiência de compra completa.
Permite aos clientes comprar e interagir em diferentes canais.
Integração:
Necessária para adotar a estratégia omnichannel.
Integração com diferentes plataformas e canais de atendimento.
Comunicação completa entre sistemas e pontos de contato para melhorar a experiência do cliente.
Segurança de dados:
Política de segurança para proteger informações das vendas.
Sistema de criptografia para impedir acessos indevidos.
Suporte ao cliente:
Oferecido por meio de portal com guias, tutoriais, etc.
Analisar o que a plataforma oferece dentro do serviço de suporte.
Personalização da plataforma:
Possibilidade de personalizar layouts, cores, imagens, etc.
Recurso de desenvolvedor para personalização avançada.
Checkout otimizado:
Checkout com apenas campos necessários para finalizar a compra.
Menos obstáculos no caminho do cliente, aumentando a conversão.
Site responsivo:
Adaptação da tela para diferentes formatos, como mobile.
Importante para melhorar a experiência do cliente e reduzir abandono de carrinho.
Gateway de pagamento:
Deve ter política de segurança de dados.
Possibilidade de criar promoções e descontos personalizados.

Escalabilidade

Um dos objetivos de todo negócio é o seu crescimento, e isso acontece principalmente pelo aumento das vendas. Portanto, um site de e-commerce deve ser escalável.

Dessa forma, você consegue expandir o negócio, sem precisar migrar de estrutura ou empresa de e-commerce para atender ao aumento de tráfego, vendas ou produtos.

Além disso, é muito interessante que você analise a capacidade do sistema suportar picos de tráfego. É normal que isso ocorra em época de datas comemorativas, como o Dia das Mães.

Então, apesar dos visitantes excederem o plano que foi contratado, a plataforma de e-commerce D2C deve oferecer esse suporte, para não atrapalhar a experiência do cliente. 

Omnichannel

A principal característica de uma empresa omnichannel é estar presente nos principais canais de venda ou comunicação que seu público prefere. 

O intuito é unir lojas físicas e lojas virtuais, de forma que o consumidor não consiga distinguir a diferença entre o online e o offline.

Isso permite que os shoppers tenham mais flexibilidade e uma experiência de compra mais completa. O que não acontece com lojas que vendem exclusivamente em um único canal.

Portanto, como uma plataforma de e-commerce D2C que possibilita a estratégia omnichannel, os clientes conseguem encontrar, interagir e comprar produtos em diferentes canais.

Por exemplo, os consumidores podem comprar um produto do seu celular e escolher receber sua compra em qualquer endereço, e até mesmo escolher a opção de retirar na loja física ou em lojas parceiras.

Integração

Para uma empresa conseguir adotar a estratégia omnichannel, é necessário que o site de e-commerce possibilite a integração com diferentes plataformas, como:

  • Aplicativos;
  • Marketplaces;
  • ERPs;
  • Logística;
  • Automação de e-mails;
  • Gateways de pagamento;
  • Hubs de integração.

Mas as plataformas de e-commerce para D2C também precisam oferecer suporte para integração com os canais de atendimento, como WhatsApp, e-mail, Facebook e Instagram. 

Dessa forma, existe uma comunicação completa entre todos os sistemas e pontos de contato utilizados pela empresa, para melhorar a experiência do cliente e a gestão das vendas.

Segurança de dados

Um requisito essencial em qualquer plataforma de e-commerce D2C é sua política de segurança de dados, para proteger as informações das vendas e garantir que não vazem.

Ela deve estar em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que estabelece diversas normas que devem ser seguidas por todas as empresas que lidam com uma grande quantidade de informações dos usuários.

A Lei nº 13.709, de 14 de agosto de 2018, como também é conhecida, regulamenta a forma como o site de e-commerce deve coletar, tratar e armazenar os dados.

Portanto, a plataforma deve contar com um sistema de criptografia ou autenticação para impedir o acesso indevido de qualquer usuário.

Suporte ao cliente

Toda plataforma de e-commerce para D2C deve oferecer suporte ao cliente, que pode ocorrer por meio de um portal com guias, principais dúvidas, tutoriais, entre outros conteúdos.

No entanto, é importante ressaltar que existe uma distinção entre suporte ao cliente e atendimento ao cliente. 

Este último significa que a sua empresa pode entrar em contato de uma forma mais direta com o suporte da plataforma, como o atendimento por WhatsApp.

Então, antes de contratar a plataforma, analise bem o que o suporte ao cliente inclui e se é realmente necessário para o seu negócio.

Personalização da plataforma

Em todo negócio existe uma essência, portanto, você precisa alinhar seu comércio eletrônico a ela

Por isso, as plataformas devem oferecer diferentes recursos para personalizar o e-commerce, como a adição de ferramentas de marketing e chatbots.

Além disso, devem disponibilizar diferentes layouts aos clientes, para que consigam alterar cores, imagens, fontes e até a organização das informações. Assim, podem customizar seu e-commerce de acordo com sua marca.

Algumas plataformas de e-commerce D2C ainda possibilitam o recurso de desenvolvedor, para que o gestor consiga personalizar ainda mais a experiência dos seus clientes. Mas, para isso, é necessário obter conhecimento em linguagens de programação

Checkout otimizado

Falando em melhorar a experiência dos clientes, é interessante que você analise se o e-commerce oferece um checkout otimizado, ou seja, se contém apenas os blocos ou campos necessários para o cliente finalizar a compra.

Dessa forma, haverá menos obstáculos no caminho do shopper, que podem dificultar e interromper a venda. E-commerces com checkouts mais curtos possuem taxas de conversão maiores do que aqueles mais longos.

Quando o processo é muito demorado e exige o fornecimento de informações desnecessárias, os consumidores tendem a abandonar o carrinho. 

Site responsivo

Outro fator que também influencia na experiência do cliente, e na taxa de abandono de carrinho, é a adaptação da tela para diferentes formatos.

Segundo o estudo E-commerce Trends, realizado pela Octadesk em parceria com o Opinion Box, 71% dos shoppers realizam compras pelo celular, enquanto apenas 27% realizam por desktop e 2% por tablets.

Portanto, é extremamente necessário que a plataforma de e-commerce D2C crie um site responsivo para sua loja virtual. 

Inclusive, quando falamos em estratégias de vendas para o consumidor final, precisamos pensar no “mobile first”, já que a grande maioria acessa as lojas por aparelhos móveis.

Meio de pagamento

Por fim, você analisar a integração com os gateways de pagamento. Muitas plataformas de e-commerce oferecem soluções nativas. 

Mas é interessante escolher uma plataforma que também permita a integração com sistemas externos, para atender melhor às suas necessidades e a dos seus clientes.

Aqui, você também deve avaliar o sistema de segurança de dados do parceiro, para se certificar da privacidade e da política anti-fraude.

Além do mais, é interessante que os gateways possibilitem a criação de promoções e descontos, com variações de produtos, valores e formas de pagamento, que entrem automaticamente no check out.

E como escolher uma plataforma de integração para e-commerces?

Para auxiliar a gestão das suas vendas, você precisa de um hub de integração de e-commerces e marketplaces, para controlar tudo em um único lugar. 

Dessa forma, você tem um panorama geral sobre o estoque, os anúncios, as vendas e os envios, para acompanhar todas as etapas.

Conheça um pouco como o Lexos Hub pode te ajudar:

O Lexos Hub é excelente por 5 motivos: 1- Você gerencia todos os seus produtos e pedidos em um único lugar, e pode vender nos maiores marketplaces do mercado sem precisar atualizar o estoque em lugares diferentes; 2- Publica seus anúncios em massa, ou seja, aquele anúncio que está bombando no Mercado Livre pode fazer sucesso também em outros e-commerces; 3- Pode emitir suas notas fiscais automaticamente com as etiquetas de envio; 4- Pode fazer expedição automatizada das suas encomendas, e reduzir o tempo de expedição em até 5 vezes; 5- Você descobre quais são os produtos campeões de venda, monitora os concorrentes e, assim, pode melhorara performance de seus anúncios.

Se você quer saber mais sobre o Lexos Hub e conhecer todas as suas funcionalidades, converse com um dos nossos especialistas.

Integre e-commerces e marketplaces e controle tudo em um único lugar! Pedidos, anúncios e expedições. Fale conosco