3 de fevereiro de 2022

Conheça as atualizações das regras de vendas no Mercado Livre para 2022

No início de dezembro de 2021, foram anunciadas novas regras de venda no Mercado Livre, que já entraram em vigor para vendedores da plataforma em janeiro de 2022. Entre as principais mudanças, estão a alteração no parcelamento sem juros e também no prazo de recebimento dos valores das vendas. 

De acordo com o que a plataforma divulgou no anúncio oficial, as alterações são necessárias por causa do contexto macroeconômico atual do Brasil. Caso contrário, o Mercado Livre não poderia continuar investindo e expandindo a sua operação. 

Leia o texto abaixo e confira tudo sobre as novas regras de venda do Mercado Livre.

Novas regras de vendas no Mercado Livre: parcelamento sem juros

A primeira das novas regras de venda Mercado Livre que foi anunciada foi a modificação no processo de parcelamento sem juros dos itens comprados no marketplace. Segundo o site, a partir do dia 6 de janeiro de 2022, a quantidade de parcelas disponíveis para pagamento dependerá do preço do produto e também do valor final de cada venda. 

Quanto maior for o valor da venda, mais parcelas sem juros serão oferecidas. Por exemplo, se um produto é comprado por R$ 10 e outro por R$ 20, o valor da venda será de R$ 30, com disponibilidade de parcelamento de até 6x sem juros. Clique aqui para conferir mais detalhes. 

Confira alguns exemplos:

  • Em vendas até R$ 299, haverá parcelamento de até 9x sem juros, dependendo do valor do produto;
  • Em vendas entre R$ 300 e R$ 1.499, haverá parcelamento em 10x sem juros;
  • Em vendas acima de R$1.500, se mantém a opção de parcelamento em 12x sem juros.
  • Já no caso de operações que oferecem parcelamento inferior a 12 vezes, o Mercado Livre passará a oferecer aos clientes essa opção, mas com juros muito inferiores aos que são cobrados atualmente. 

Alterações no prazo de recebimento de dinheiro 

Outra mudança divulgada pelo Mercado Livre e que é importante para quem quer saber como anunciar no marketplace é sobre o recebimento dos valores referentes às vendas realizadas. 

Segundo a plataforma, a partir do dia 1o. de fevereiro de 2022, os vendedores que estiverem com reputação já calculada e estejam vendendo produtos novos vão receber o dinheiro em até 5 dias úteis após a entrega do produto ao cliente. 

Enquanto isso, aqueles que ainda não têm reputação e vendem produtos usados, poderão receber os valores das vendas em até 9 dias úteis, também a partir da data de entrega do item.

Mudanças no rendimentos em contas e no Mercado Envio

Também a partir de fevereiro, as contas jurídicas do Mercado Pago não gerarão mais rendimentos. Por outro lado, o Mercado Livre se comprometeu a divulgar, em breve, um novo tipo de investimento para esses usuários.

Os custos do Mercado Envio, programa de envio de mercadorias da plataforma, também sofrerá alterações. A partir de 6 de janeiro de 2022, a média de valores que serão cobrados irá aumentar em 3% em todas as modalidades de envio, porém, produtos com até 30 kg, terão frete grátis. No entanto, vendedores com boa reputação continuarão tendo 50% de desconto.

Por fim, também em janeiro, os usuários do Mercado Envios Flex que possuem reputação verde terão 10% da tarifa de envio subsidiada pelo Mercado Livre, ao invés dos tradicionais 40%. 

Essa mudança, no entanto, vale apenas para produtos de até R$ 79. No caso de produtos usados ou nos anúncios grátis abaixo desse valor, os vendedores continuarão recebendo o valor total do frete na conta.

Lexos Hub: contrate para vender no Mercado Livre e em outros marketplaces de forma personalizada

Com um hub de integração de marketplace, a sua loja pode estar presente tanto no Mercado Livre quanto em diversos outros marketplaces. 

O Lexos Hub conecta informações de anúncio, expedição e estoque, fazendo a interligação entre diversos canais de venda.

Quando o cliente compra o produto em qualquer um dos marketplaces integrados ao hub, você recebe a notificação, já com a impressão da etiqueta de expedição e nota fiscal. Então, é só separar o produto e despachar. O sistema que está interligado ao seu ERP dá baixa no estoque e atualiza em todos os marketplaces.

Não perca tempo e se faça presente! Faça um teste agora!

Leia também: